ChefsClub Chocolates Baianí
Antes e Depois

Pense em uma marca tradicional brasileira. A chance da Phebo ter passado por sua cabeça é grande. Fundada no ano de 1930 em Belém pelos primos portugueses Antonio e Mario Santiago, a Phebo nasceu com a visão de ser uma de perfumaria de altíssima qualidade, com fragrâncias marcantes e originais.

Tantos anos e muitos novos produtos depois, seu produto clássico ainda é a barra de sabonete tradicional Odor de Rosas, que quase todo brasileiro já usou e carrega o cheiro na memória. Para os produtos tradicionais, o logotipo que estampa as embalagens é chamado de Phebo Tradicional.

Logotipo da Phebo Tradicional.
Anúncio clássico do Phebo Odor de Rosas

Para a linha de perfumaria fina um outro logotipo, menos conhecido, era usado. A criação de uma nova loja conceito para a Perfumaria Phebo foi o momento perfeito para revitalizar o logotipo.

O novo logotipo da Perfumaria Phebo

Começamos pela função

Os principais pontos de melhoria prática do logotipo eram funcionais, uma vez que o anterior havia sido criado com fontes out-of-the-box, sem os devidos refinamentos que um logotipo a ser aplicado em diversos tamanhos e contextos deve ter. Tratamos de resolver essa questão, com um desenho compacto e de alinhamento centralizado, sem a presença do Sol, que desequilibrava o todo nas aplicações.

Inspirados pela própria história

O logotipo de Phebo tradicional e a rica história gráfica das marcas Phebo e da Granado, hoje sua marca irmã, foi o ponto de partida para nosso desenho. Pesquisamos imagens, anúncios, embalagens e tipografia que passaram pela comunicação da marca ao longo de décadas. Para que tivesse uma relação próxima, desenhamos a palavra Phebo com o mesmo princípio gráfico da Phebo Tradicional: acabamento de cinzel/inline. A diferença ficou no fato de todas as letras serem maiúsculas, nos detalhes mais orgânicos e caligráficos do que a original.

Detalhes

  1. Letras inspiradas pelo specimen da Gráfica Casa Granado, de 1943.
  2. Cinzel/Inline similar ao logotipo de Phebo Tradicional
  3. Acabamento orgânico, inspirado por caligrafia de pena de ponta chata.
  4. Eixo inclinado, consequência da inclinação de escrita da pena de ponta chata. Das 5 letras, é a única que transparece o eixo.
  5. Composição centralizada facilita a aplicação do logotipo, da embalagem ao letreiro da loja.
Do specimen tipográfico da gráfica Granado, datado de 1943, veio a inspiração para as letras da palavra Perfumaria

Com o Phebo bem resolvido, a palavra Perfumaria deveria também ser portadora da personalidade vintage da marca. Começamos abusando das idiossincrasias de uma fonte que encontramos no specimen de tipos da gráfica Granado, datado de 1949. Conforme revisávamos, nos demos conta de que deixar as letras mais integradas tornaria a marca mais simples e atemporal.

Da primeira à última versão do “Perfumaria”.

Finalizando e inaugurando um novo clássico

Com o logotipo aprovado, criamos ainda o selo “Phebo, desde 1930”, também desenhado artesanalmente e o selo do Sol isolado. Adicionamos também versões para redução, com elementos mais espacejados e sem o efeito de cinzel/inline.

Marca principal, selo desde 1930 e o Sol como elemento isolado.

Aplicações sugeridas do logotipo nas embalagens existentes.

Perfumaria Phebo

Recriamos o logotipo da Perfumaria Phebo, na ocasião do lançamento da nova loja conceito da marca no Shopping Leblon, Rio de Janeiro.

Começamos o projeto solucionando questões funcionais, a aplicação do logotipo de tamanhos reduzidos em embalagens a letreiros na loja. Em seguida, cuidamos do visual, aproximando o desenho da marca mãe – Phebo Tradicional – com uma camada de refinamento com inspiração caligráfica e na qualidade das curvas.

Direção de Arte Mai Silva, Isabel W de Nonno, Higo Lopes.

Arquitetura Jorge Nascimento e Adriana Saggese

Diretor de Criação Rodrigo Saiani

Lettering e Type Design Flora de Carvalho

Design Gráfico Flora de Carvalho, Carlos Mignot, Rodrigo Saiani

Categoria dos Projetos:

Top